do figurativismo ao abstracionismo

Dir: Clara Ianni

6' . 2017 . SP/SP

Mostra:

Sinopse

Do figurativismo ao abstracionismo explora a relação entre arte e política, investigando a dinâmica entre institucionalização da arte moderna e o colonialismo. Baseado em imagens de obras exibidas na exposição inaugural do Museu de Arte Moderna de São Paulo, em 1949, o vídeo revisita o papel do abstracionismo durante a Guerra Fria, combinando discursos de Nelson Rockefeller em contextos culturais e relatórios de guerra.

Classificação livre
Confira a programação completa

Ficha técnica

Clara Ianni
/ Montagem

Caio Gonçalves
/ Edição de som

clara.ianni@gmail.com
/ CONTATO

Clara Ianni

Nasceu em 1987, em São Paulo. Investiga as relações entre arte, política e ideologia, com frequentes reflexões sobre as contradições do processo de modernização brasileiro. Transitando entre vídeo, instalação, texto, objeto e site-specific, a artista questiona os discursos históricos hegemônicos, explorando suas zonas de invisibilidade. Exposições mais recentes: Utopia/Distopia, MAAT Lisboa (2017), Jakarta Bienal (2015), Bienal de São Paulo (2014).