os sonâmbulos

Dir: Tiago Mata Machado

110' . 2018 . BH/MG

Mostra:

Sinopse

Era um pequeno grupo de demolidores de mundo. Perdidos na multidão, mas ligados uns aos outros, viviam na solidão da clandestinidade, às voltas com suas contradições: amavam a vida humana, mas desprezavam a própria vida. Estavam prontos ao sacrifício. Niilismo, melancolia, traição, desespero: consciências trágicas em uma longa viagem ao fim da noite. Um conto de amor e de morte (Eros e Tanatos), em um mundo em que o estado-de-exceção veio a se tornar regra e os últimos dias da humanidade não terminam nunca.

Classificação 14 anos

Exibição
Sesc Tijuca - Sábado, dia 24, às 10h
Sesc São João - Domingo, dia 25, às 16h
Sesc São Gonçalo - Domingo, dia 25, às 16h - com a presença do diretor
10h (SESC NOVA IGUAÇU) Dia 27/11 (terça-feira)
Cine Arte UFF - Segunda, dia 26, às 18h30 - com a presença do diretor
Confira a programação completa

Ficha técnica

Katásia, 88 Filme
/ Companhia produtora

Aline X
/ Produção executiva

Francis Vogner, Tiago Mata Machado
/ Roteiro

Fernando Lockett
/ Fotografia

Bruno Vasconcelos, Gustavo Fioravante
/ Som

Marcelo XY, Luísa Horta
/ Direção de arte

Marcelo XY, Irene Andrade
/ Figurino

Alice Furtado, Luiz Pretti
/ Montagem

Juan Rojo, Pedro Durães
/ Trilha sonora

Clara Choveaux, Rômulo Braga, Carolina Castanho, Renan Rovida, Francis Vogner
/ Elenco

Festivais e Prêmios

  • Festival de Brasília 2018 | Melhor filme da Mostra Caleidoscópio

info@88artcinema.com
/ CONTATO

Tiago Mata Machado

Crítico de cinema, curador e cineasta brasileiro. Mestre em Multimeios pelo Instituto de Artes da Unicamp, foi crítico do jornal Folha de São Paulo, é co-autor dos vídeos experimentais como Buraco negro (29a Bienal de São Paulo), Rua de Mão Única (Festival Roterdã) e NAU (Bienal de Veneza 2017). Como cineasta, dirigiu Os residentes (Festival de Berlim 2011, vencedor de quatro candangos no Festival de Brasília 2010 e da Mostra Aurora do Festival de Tiradentes 2011).