DEBATE 23 – ELOS PARA UMA HISTÓRIA FRAGMENTADA

Exibição

09 de março de 2021 às 20h

Sobre

Debatedoras: Milena Manfredini (GUARDIÃO DOS CAMINHOS), Ana Vaz (OCCIDENTE), Barbara Bergamaschi (cineasta e pesquisadora), Duda Kuhnert (jornalista e pesquisadora), Duda Gambogi (cineasta e atriz)

Debatedores

Milena Manfredini - Guardião dos caminhos

Cineasta, antropóloga e curadora independente. Dirigiu e roteirizou os filmes “Eu Preciso Destas Palavras Escrita” (2017) filme sobre a vida e obra do artista contemporâneo Arthur Bispo do Rosário; “Camelôs” (2018) filme sobre os vendedores ambulantes da cidade do Rio de Janeiro; “Guardião dos Caminhos” (2019) filme sobre espaço urbano e dimensão do sagrado; “De um lado do Atlântico” (2020) filme idealizado a convite do Instituto Moreira Salles para a chamada IMS Convida; “Mãe Celina de Xangô” (2021); “Cais” e “De um porto a outro” (ambos em processo de finalização). Atua como curadora em mostras e festivais de cinema e é idealizadora e curadora da Mostra de Cinema Narrativas Negras, projeto voltado à pesquisa, exibição e visibilização das filmografias negras. Também exerce as funções de pesquisadora, professora e consultora no campo audiovisual.

Ana Vaz - Occidente

Natural de Brasília. Artista visual e cineasta, graduada pelo Royal Melbourne Institute of Technology, Austrália (2009), e mestre em Cinema e Artes Visuais pelo Le Fresnoy Studio des Arts Contemporains, Tourcoing, França (2013). Seus filmes, publicações, performances e videoinstalações refletem sobre a relação entre cinema e linguagem e especulam sobre as relações entre mito e história, eu e outro através de uma cosmologia de referências e perspectivas. Exibições recentes de seu trabalho incluem NYFF, TIFF, Courtisane, Cinéma du Réel (Grand Prix) e focos específicos dedicados ao seu trabalho nos Flaherty Seminar (USA) e no Doc’s Kingdom (Portugal). Seu trabalho foi apresentado em importantes mostras coletivas, como a Bienal de Arte Jovem de Moscou e a Dhaka Art Summit. Em 2015, recebeu o prêmio Kazuko Trust concedido pela Film Society of Lincoln Center em reconhecimento à excelência artística e inovação em seu trabalho de imagem em movimento. Ana Vaz também foi membro da SPEAP (School of Political Arts), projeto dirigido por Bruno Latour.

Barbara Bergamaschi - cineasta e pesquisadora

Natural de Brasília, é graduada em Comunicação pela UFRJ com habilitação em Rádio e TV, com passagem pela faculdade de Cinema de Paris VIII. Tem certificado em Fundamentação em Artes pela EAV do Parque Lage. É mestre em Artes da Cena também pela UFRJ. É uma das editoras da Revista Beira e uma das fundadoras da Cinecluba. Em 2019 foi professora do departamento de Artes da Cena da UFSJ. Recentemente foi contemplada com bolsa CAPES-Print – doutorado sanduíche- para estudar na Escola das Artes da UCP – Porto em Portugal, onde atualmente reside. Conclui tese de doutorado sobre Cinema Experimental e Found Footage no programa de pós-graduação de Comunicação da UFRJ e de Letras da PUC-Rio.

Duda Kuhnert - jornalista e pesquisadora

Formada pela Escola de Comunicação da UFRJ e mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Artes da UERJ, com dissertação sobre a filmografia de Susana de Sousa Dias. É fundadora e editora da Revista Beira e curadora da Cinecluba, encontros de exibição de filmes realizados por mulheres. Hoje atua como produtora de conteúdo digital e realiza projetos como repórter freelancer.

Duda Gambogi - cinesta, crítica e atriz

Graduada na Escola Livre de Cinema/BH e em Comunicação Social pela Universidade Federal Fluminense, agora se forma no curso técnico em teatro do CICALT-MG. Trabalha em produções audiovisuais independentes desde 2014 e também integra o coletivo Elviras de mulheres críticas, tendo colaborado com diversas revistas virtuais. Seu primeiro documentário, Endless Love (2020), circulou por festivais em três continentes e foi premiado quatro vezes. O curta se encontra atualmente em distribuição, junto com o filme “Último Gás” (2020), realizado na quarentena.