SESSÃO 21 – EU SOU PORQUE TU ÉS: PERSPECTIVAS DE UM CINEMA URGENTE

16 a 23 de fevereiro de 2021

Curadoria

Cine Club TF
Cineclube TF logo

Sobre

O CINE CLUB TF atua, desde 2015, no combate ao extermínio da juventude negra periférica. Acreditamos que, potencializando a arte da juventude da periferia, formando sujeitos conscientes de sua identidade sociocultural afro, indígena e ribeirinha, transformaremos nossa realidade. Nossa principal arma é dialogar com a comunidade artística do bairro e construir, coletivamente, soluções para as nossas demandas mais urgentes. O projeto começou na escola Brigadeiro Fontenelle no contexto da chacina de novembro de 2014, mas suas ações foram para além dos muros da escola. Atualmente, são 68 jovens que nutrem seus dons artísticos em diferentes expressões da arte: poesia preta, teatro, dança, artes visuais e audiovisual. Os maiores resultados de nossa atuação já estão nos sites de busca na internet, basta digitar três palavras e já se tem um resultado positivo: juventude, terra firme e Cine Club TF.
A rua, que sempre foi um espaço significativo para a comunidade periférica, está sendo ocupada com arte, cultura e lazer, deixando de ser mero espaço de deslocamento para transformar-se em forte ponto de socializações das produções desses jovens protagonistas de suas próprias narrativas. Recebemos o título do Ministério da Educação de melhor projeto do Brasil em 2018. Em 2020, fomos selecionados como um dos 50 melhores projetos do mundo pela Varkey Foundacion, no Global Teacher Prize, Nobel da Educação. Democratizamos acesso ao cinema com telas ao céu aberto, produzimos conteúdos literários com poesia preta, dança, teatro, percussão, dentre outros.
É com muita alegria que ocupamos mais esse espaço, produzindo uma sessão e fomentando o debate na Semana Semana 2021. Nossos filmes, o documentário “É Nós Por Nós” e o curta de ficção “Perspectivas” dão conta de apresentar um pouco da nossa trajetória e dos nossos desejos: produzir audiovisual na e sobre a Terra Firme. Quem achou que a periferia morreria, se escandalizou com a grande lição de empatia e solidariedade que veio da força dos coletivos. As mãos estendidas para o próximo. A lógica do Ubuntu: “eu sou porque tu és”.

Filmes e debate

NÓS POR NÓS

11′ | 2018 | Belém | PA

Direção

Arthur Costa

Classificação

Livre

PERSPECTIVAS

Direção

Arthur Costa

Classificação

Livre

EU SOU PORQUE TU ÉS: PERSPECTIVAS DE UM CINEMA URGENTE

23 de fevereiro de 2021

Debatedores

Lilia (ver sobrenome, professora e fundadora do Cineclube TF); Natasha Angel (PERSPECTIVAS). Mediação: Geo Abreu (professora e crítica de cinema)

Classificação

Livre